.

.

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

SAUDE DE BARACHISIO

Companheiros CEPLAQUEANOS,

Acabo de sair do HOSPITAL PORTUGUÊS, em Salvador, onde fui visitar nosso colega Barachisio Lisboa Casali, submetido a uma cirurgia na cabeça.

Devo-lhes informar que o mesmo acabou de receber alta da UTI neste momento (por volta das 21:30h), passando para o LEITO N 204. Graças a Deus o seu estado de saúde é BOM, mas confesso que nunca vi um PACIENTE tão agitado. - "O HOMEM ESTAVA AMARRADO NA UTI" E DEPOIS QUE FOI PARA O QUARTO, NOS CERCA DE 40 MINUTOS QUE PASSEI AO LADO DELE O HOMEM NÃO PARAVA, ERA MULHER, FILHO, FILHA, CUNHADO, TODOS PARA EVITAR QUE LEVANTASSE, MAS QUERIA LEVANTAR A QUALQUER CUSTO. O VELHO É UMA PARADA. Foi preciso chamar uma enfermeira para convencê-lo a ficar quieto.

QUE DEUS O PROTEJA.

ATENCIOSAMENTE

Afrânio Freitas
29/09/09

COMUNICADO - CONVÊNIO FARMACIAS

Senhores associados,

Devido a iminente necessidade de reestruturação no sistema de benefícios da Associação, a diretoria administrativa resolveu suspender temporariamente o credito aos associados nas farmácias RedeMed, Cidade Nova e Líder a partir de 01/10/2009.
Permanecem disponíveis as farmácias MULTMAIS e Farmácia do Povo, enquanto não se conclui a nova estruturação de convênios.

Desculpamos-nos e agradecemos à compreensão dos nossos associados.

Heckel Januário F. de Paiva
Presidente

sábado, 26 de setembro de 2009

INFORMATIVO - SAÚDE

INFORMAMOS A TODOS QUE O ENGENHEIRO AGRÔNOMO - FISCAL FEDERAL BARACHISIO LISBOA CASALI, DA CEPLAC DA CIDADE DE ITUBERÁ, ENCONTRA-SE INTERNADO NO HOSPITAL PORTUGUÊS EM SALVADOR. ELE FOI SUBMETIDO A UMA CIRURGIA DE EMERGÊNCIA, PARA RETIRADA DE UM TUMOR NA REGIÃO CRANIANA. A CIRURGIA FOI BEM SUCEDIDA E SEU ESTADO DE SAÚDE É ESTÁVEL. A DIRETORIA DA AFC, AMIGOS E COLEGAS CEPLAQUEANOS UNEM-SE A SUA FAMILIA E ROGAM AO BOM DEUS QUE RESTABELEÇA A SAUDE DE BARACHISIO, UM COLEGA ESPETACULAR, QUE VESTE A CAMISA DA CEPLAC COM MUITA DEDICAÇÃO E É MUITO QUERIDO POR TODOS NÓS.

A DIRETORIA


.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

THOR4 RUMO A SÃO SILVESTRE 2009

No século passado nosso associado Thor4 fez essa brilhante participação como medalhista da São Silvestre 99. Dez anos depois ele se prepara para repetir a façanha, e promete chegar entre os primeiros colocados, podendo surpreender nessa oitava edição da São Silvestre do século XXI, correndo em sua categoria.

O ceplaqueano Frederico Afonso

A Diretoria da AFC-Ilhéus, seus associados e amigos da CEPLAC prestam homenagens ao colega ceplaqueano FREDERICO MONTEIRO ÁLVARES AFONSO, (Engenheiro Agrônomo - Fiscal Federal), que faleceu ontem em Brasília.

Ele foi um dos pioneiros ceplaqueano, responsável pela implantação da cacauicultura amazônica, tendo exercido altos cargos na Instituição, com dedicação e muito labor. Foi um profissional de altíssima competência, culminando em relevantes serviços prestados à CEPLAC, ao cacau e as regiões: sulbaiana e amazônica. Ele nos deixou um legado de conhecimento e foi ao encontro do Pai, depois de cumprir sua missão em prol da Ceplac e de todas as regiões produtoras de cacau do Brasil. Um exemplo a ser seguido. Marcou de fato a história cacaueira.

À família enlutada, nossas condolências.


Heckel Januário F. de Paiva
Presidente


sexta-feira, 18 de setembro de 2009

BLOCO CHUPA-RINDO CARNAVAL DE 1992

Colaboração: Eduardo Japonês

ADEC100

DA ESQUERDA PARA A DIREITA:
EM PÉ: Vandirson, Ubiratan, Elias Porquinho, Arthur, Jorge Vela e Dominguinhos
AGACHADOS: Marcus Vinicius, Corrreia Federal, Eduardo Japonês, Silvio Roberto e Serafim.

Colaboração Eduardo Japonês

ADEC100 - TORNEIO DO TRABALHADOR 1988

DA ESQUERDA PARA DIREITA:
EM PÉ
: Vanderlito, Morais, Eduardio Japonês, Carlinhos, Perreche, Baiano, Dinho Lambreta e Jorge Tetegoria.
AGACHADOS: Sanfllipo, Carlinhos Cai-cai, Dicó, Geraldo Camaleão, Artur, Eduardo Magalhães e o garotinho Bagu (filho de Carlinhos).

Colaboração de Eduaro Japonês

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

AFC ILHÉUS – 27 ANOS DE HISTÓRIA

O DIA EM QUE JOÃO LAWINSKY DESABAFOU (*)
(E entrou para história da AFC)

...Estou à frente dos destinos da AFC - Ilhéus, há quatro anos e seis meses, enfrentando sérias dificuldades financeiras. Disse também que inclusive a “mamãe Ceplac”, a quem não temos com que pagar, terceiros, também se engajaram na dura caminhada para consolidarmos o primeiro degrau da AFC-Ilhéus, Disse ainda, que praticamente ficou sozinho, nessa primeira etapa, porém, com a fé depositada no Grande Arquiteto do Universo, que é Deus e amor pela causa e sobretudo, por amor à querida terra – nossa Ilhéus, enfrentou a barra pesada... Prosseguindo, declarou o Sr. Presidente, que estava satisfeito pelo fato da grande maioria, mais de 390 dos associados, estarem aplaudindo e apoiando o seu árduo trabalho, entretanto, frisou que de outro lado, bastante contristado, uma minoria insignificante, por razões que desconhece, passou até agredi-lo moralmente, chamado-o de “pelego”, que ele estava enchendo os bolsos, de orgulhoso, prepotente, que havia reinado demais e outras dores de cotovelos mais... Em seguida, fez questão de fazer um registro que um colega exclamara friamente: “Vou lhe derrubar da Presidência da AFC-Ilhéus”... Isto foi uma das coisas que mais lhe machucou... No encerramento da ata, oportunidade em que frisou mais uma vez, sobre as injustiças e críticas contra sua pessoa, mas que isso seria levado para o alto mar, através das correntes marinhas...

(*) Trechos extraídos da Ata de Assembléia Geral Extraordinária do dia 26 de agosto de 1986.


quarta-feira, 9 de setembro de 2009

AFC ILHÉUS – 27 ANOS DE HISTÓRIA

CONSELHO FISCAL – Histórias diferentes

O Conselho Fiscal da Gestão 2006/2008, entrou para história da AFC, por ter convocado pela primeira vez uma Assembléia Geral Extraordinária no dia 01 de dezembro de 2007, para tratar da seguinte pauta:

1. Situação Econômica e Financeira da Associação
2. Atos da Diretoria Administrativa.
3. Prestação de Contas do Conselho – Exercícios 2006/2007.

Nesta época os Conselheiros eram:

1. Carlos Artur Miguel Kruschewisky Filho
2. Carlos Alberto Medeiros de Santana
3. Carlos Raimundo Matos Macedo

Já o Conselho Fiscal da Gestão 2008/2010, vai entrar para história por ter convocado uma Assembléia Geral Extraordinária, para o dia 29 de agosto de 2009, para tratar da seguinte pauta:

1. Prestação de Contas de janeiro a dezembro de 2008
2. Licitação do Bar-Irregularidades na Licitação.

E pela primeira vez na história da AFC, não houve coro para a realização desta Assembléia. Ficando adiada para 12 de setembro.

Conselheiros:

1. Ivandro José Almeida Santos
2. Sandoval Souza Carvalho
3. Jairo Silveira Couto

Rezende

terça-feira, 8 de setembro de 2009

.


.

AFC ILHÉUS - 27 anos de história

HISTÓRIA DA AFC - 1983 - TEXTO NA ÍNTEGRA DO PRESIDENTE DA AFC, 1983, EM RESPOSTA AS DENÚNCIAS DO ENTÃO DEPUTADO FEDERAL JORGE VIANA


Ilhéus, 30 de junho de 1983.
À Tribuna do Cacau
Itabuna-Ba.

Senhor Redator,

Somente agora, (quando tomamos conhecimento de que realmente o Deputado Jorge Viana (PMDB-Ba)) notificou ao Senhor Ministro da Agricultura acusando a Ceplac de estar comprando MOTEL, é que julgamos do nosso dever, em consideração à instituição a que servimos, aos nossos associados, aos demais funcionários da CEPLAC e à sociedade da Região Cacaueira, principalmente ao povo de Ilhéus, prestar-lhe os seguintes esclarecimentos sobre a nota dessa Tribuna, edição de 22.06.83, sob o título “VIANA VOLTA A CRITICAR A CEPLAC”, esperamos possam ser publicadas, na integra, por esse prestigioso jornal, sem despesas para esta Associação:

1) Em nenhum momento, a Administração da CEPLAC, por qualquer dos seus membros, cogitou e ou encabulou negociação e, portanto, não pretendeu adquirir qualquer imóvel no litoral de Ilhéus (mas sim, esta AFC – Ilhéus);

2) Esta AFC – Associação dos Funcionários da CEPLAC, de Ilhéus, realmente, dispondo de C$ 4.000.000,00 (quatro milhões de cruzeiro), que lhes foram alocados pelo CONSELHO DELIBERATIVO DA CEPLAC, no seu orçamento de 1983, conforme AJUSTE/387, dentro do seu programa de integração e lazer funcional, principalmente do seu pessoal de baixa renda, tem procurado encontrar um local próximo às praias da cidade, que lhe permita encaminhar a construção de uma modesta SEDE PRAIANA, rústica, que se tornasse um “ponto de encontro à beira do Atlântico, num ambiente seguro, sadio, selecionado e descontraído” dos quase 2000 funcionários da CEPLAC que residem em Ilhéus e adjacências, a exemplo do que já existe em Brasília, Itabuna, Belém Linhares, Gandu, Ubaitaba, Ipiaú e Eunápolis e como fazem na mesma área do Brasil, BANEB, COPERCACAU e outras entidades;

3) Neste sentido, entre outras já examinadas, embora sem qualquer compromisso formal, surgiu uma área na rodovia Pontal - Olivença, próxima à praia do Cururupe, pertencente à firma Sociedade Comercial Ilhéus de Bebidas Ltda., local conhecido como “CARECAO”, porque ali funciona um antigo bar/restaurante/pousada de praia, embora com suas instalações precárias;

4) A denúncia, portanto, de que se trata de um “Motel de Alta Rotatividade“ é leviana porque, inverídica, o que poderá ser comprovado peãs fotos anexas e somente pode ter tido o propósito venenoso de tumultuar a aquisição de uma pequena área de lazer; caso alguém utilize a área do bar “Carecão” para fins inadequados à sua finalidade, desconhecemos completamente;

5) A denúncia, portanto, repetimos, não tem o menor fundamento, é inverídica, tendenciosa e busca, como outras, tentarem desmoralizar a CEPLAC perante a opinião pública e governamental, com intenção que não cabe a esta AFC - Ilhéus julgar, pois somos totalmente apolíticos, mas, que não lhe impede de observar, no sentido de preservar suas finalidades e os direitos dos seus associados e funcionários da CEPLAC;

6) No sentido de evitar, interpretações errôneas dos que maliciosamente busquem comprometer a CEPLAC, decidiu a AFC – Ilhéus, interromper “sine die” qualquer proposta de aquisição do tão sonhado terreno, aguardando outra oportunidade, se Deus um dia permitir isso possa acontecer;

7) Finalmente, ressalvando por dever a Administração da CEPLAC, a AFC – Ilhéus, por seus Dirigentes e Associados, suas esposas e filhos, declara não esquecer, porém, que a uma de núncia inconseqüente do Deputado Jorge Viana, em quem confiávamos que veio lhes privar de uma boa área de lazer – aspiração de tantos anos – para os seus filhos, e, ainda, pelo contrário, até lhes imputar subliminarmente, induzir como “Pretensos donos e usuários de Motel” tentando minar a sagrada tranqüilidade dos seus lares... Isso nós jamais esqueceremos...


Atenciosamente
João Lavinsky de Andrade
p/Diretoria

(“Com a solidariedade das Sociedades dos Engenheiros Agrônomos do Cacau (SEAC), Associação dos Funcionários da CEPLAC – Itabuna, Linhares, Ubaitaba, Eunápolis, Gandu, Brasília e Ipiaú”)
Fonte: Ata de Reunião dia 05/07/1983 – Livro I da AFC (na integra).

AFC ILHÉUS - 27 anos de história

UM POUCO DA HISTÓRIA DA CRIAÇÃO AFC
Vamos tentar de modo resumido contar a história da Associação, mesmo porque não se trata de um trabalho de pesquisa sistemático, e sim de um apanhado visando dar seqüência ao nosso Informativo.
Entretanto, não havendo dúvida de quanto recheado é o histórico da AFC, para um trabalho mais elaborado mais adiante, estamos convocando democraticamente daqueles – especialmente dos que iniciaram a batalha de sua construção – que sabem (ou participaram) de algum fato e de alguma estória alusiva à entidade, a colaboração.

Ressaltamos que esses depoimentos deverão em conjunto compor o acervo do futuro Memorial da AFC em sua sede, o que significará uma cooperação de suma importância para a entidade.

Embora já não contasse com os recursos financeiros sob seu controle, o PROCACAU já dando claros indícios de fraqueza, e a projeção da desvalorização dos preços do cacau no mercado internacional como certa, parecendo premonitórios sinais de um futuro nada promissor, a Ceplac no limiar dos anos oitenta, até então, mantinha altaneiro os objetivos, pelo menos no modo aguerrido, no entusiasmo do funcionalismo, enfim o órgão, no agir de seu servidor que parecia não querer acreditar na realidade conjuntural vigente, ainda fazia bem refletir aquela famosa e eufórica afirmação do presidente Ernesto Geisel: “Feliz do Brasil se tivesse 20 ou 30 Ceplac(s)”.

De Itabuna há muito, com a criação do CNPC (depois CCPC) em imponente prédio, saiam as supostas decisões dos Cacauicultores, bem como, com a AFC - Associação dos Funcionários da Ceplac no Morro dos Canecos, as dos ceplaqueanos, sede esta que, comentava-se, tinha-se como uma das melhores da cidade em termos de infra-estrutura e equipamento.

Cacauicultores e servidores com interesses decididos nas entranhas itabunense, até mesmo o endereço do Centro de Pesquisa do Cacau com telefone e tudo mais, apesar de inquestionável território ilheense, como de domínios seu, nada censurável que tal situação, viesse a despertar um sentimento “barrista” no ilheense, no servidor ilheense. Foi assim que, nos fins dos anos setenta e inicio dos oitenta, um grupo liderado por João Lawinsky de Andrade, sentindo que as coisas eram endereçadas líquidas e certas para a vizinha Itabuna, como uma espécie de ciumeira ou concorrência sadia a favor da cidade Gabriela, iniciaram, fazendo o que lhe cabia, a reivindicar junto à Ceplac, uma entidade de lazer e representativa dos moradores ilheense tal qual também já existiam em Gandú, Eunápolis, Ipiaú, Brasília, Belém, Linhares, Ubaitaba. Estava começando a nascer a AFC - Associação dos Funcionários da Ceplac - ILHÉUS.

A Assembléia Geral de Fundação se dava então, em 19.03.1982 e, como já observado, objetivava realizar uma estrutura para lazer, tanto que inserido no Livro Ata, João Lawinsky de Andrade, tornando-se nesse dia seu primeiro presidente, ao conclamar o plenário à realização da futura sede, bem se referia a “Um ponto de encontro” dos ceplaqueanos na praia. “pois a cada dia que passamos estamos assistindo o distanciamento de todos os colegas”.

Representativa porquanto se tratava de uma associação de funcionários, todavia a idéia da AFC-Ilhéus – diferentemente da que se instalara em Itabuna em que já se iniciara os movimentos reivindicatórios do funcionalismo – se prendia mais ao lazer.

Ressalte-se que no ano de 1982 quando da realização da Assembléia Geral de Fundação, embora a Cota de Contribuição Cambial já houvesse sido incorporada sob os auspícios do ministro Delfim Neto ao Orçamento da União, a Ceplac ainda conseguia que a mais expressiva, a maior parte, esses recursos, se bem que não tão generosos como os de outrora, se canalizassem para a Região. E assim sendo, apesar dos pesares, o órgão conseguia ir mantendo o programa de assistência e integração social junto ao corpo funcional.

Foi assim que o grupo com a liderança e o esforço de João Lawinsky de Andrade e com o apoio do secretário geral José Haroldo consegue alocar com o Conselho Deliberativo no seu orçamento de 1983 – através do Ajuste/387, uma verba no valor de Cr$ 4.000.000,00 (Quatro milhões de cruzeiros). O que viria a ser o pontapé inicial no que concerne a recursos financeiros na construção da Associação em terras da aprazível cidade praiana ilheense.

À inverdade e injusta afirmação do então deputado federal Jorge Viana, de que a Ceplac estava comprando um “motel de alta rotatividade”, conforme seu telex ao Ministro da Agricultura, Amaury Stabile, o presidente da entidade João Lawinsky a princípio ponderou. Depois como a seguir o velho ditado de “quem não deve não teme”, botou o bloco na rua e, contando com o esforço dos demais fundadores, adquiria em 07/12/1984 no quilometro 0 da rodovia Ilhéus/Olivença uma área de 3.900m2. Estava brotando a sede de praia da recém-formada Associação.

Mas ao mesmo tempo, para uma satisfação à sociedade ilheense e à própria instituição Ceplac, o retorno ao deputado na forma de uma carta-resposta não tardou, fazendo-o publicar sob Nº 3622, em 02/07/1983, no jornal “Tribuna do Cacau.


domingo, 6 de setembro de 2009

SENTIMENTO DE SER BRASILEIRO

HOMENAGEM AO BRASIL
(Alan Carlos Dias)

Brasil,
Paraíso das águas atlânticas
Jardim do Éden da contemporaneidade,
Celeiro de todas as artes
Paisagem ímpar universal
Quanta alegria me dá
Ao realizar serenatas no crepúsculo
Sinfonias de Mozart
Ainda não escritas
É a jóia mais cobiçada
Em todos os ourives do mundo
Mas a nós, brasileiros, caboclos,
Cafuzos, mulatos é que pertences.
Quantas constelações em teu céu são avistadas
Produzindo a mais bela composição dos tempos
O teu nome, a nossa história verde,
Náutica, virgem, a biodiversidade.
O meu primeiro amor tem o teu nome
A brisa que passeia pelos corpos índios
Saem de teus lábios marinhos
Abrandando o calor do Equador que nos dividi
Entre tantos brasis
Mas o que eu amo
É o de campos verdes
Repletos de sabiás, bem - te - vis
Mulheres mulatas, de todas as cores
Por que aqui tudo se produz
Na fertilidade de nosso poder criativo
A arte se sobreviver
É a nossa independência.


Brasil,
Meu Brasil de todas as cores
Como são lindos vossos campos!
Em vossos vales a vida surge
Tão natural
Quanto meu sorriso de satisfação
Por ser parte de ti
Oh! Príncipe das águas atlânticas
Que nas brisas das manhãs
Beija com um hálito perfumado as nossas vidas
Que em teu seio, repouso encontra
A posteridade de sonhos.
Oh! Paraíso do Éden
Virgem, selvagem, natural
Em ti tudo germina e floresce
Dar frutos verdes.
Esperança
É teu segundo nome
Para os brasileiros
Que abrigas em teus braços multicoloridos
És a jóia mais cobiçada nos leilões do mundo.
Mas tu carregas nossa história
E não a dos opressores capitalistas.
Tu és a nossa pérola rara
Em teu céu
Constelações de estrelas existem
Iluminando teus olhos náuticos
Compondo a mais bela obra de arte
Um arco - íris terrestre
A biodiversidade,
A vida que a cada instante surge
Na fecundidade de teu ventre
Ah! Como sinto orgulho de ti,
Oh! Meu Brasil.

sábado, 5 de setembro de 2009

AFC ILHÉUS - 27 anos de história

FOTOS HISTÓRICAS

Dr. Paulo Alvin, José Raimundo, José Haroldo e Heckel Januário, na inalguração das piscinas da AFC.


Dinho, Vanderlito, Beto, Torquato, Edmilson, Gracco, Jair Bala, Carlota, Durox, Geraldo Camaleão, Serjão e Eduardo Japonês.

AFC ILHÉUS - 27 anos de história

O ASSOCIADO NA TELA DA RECORD
Você sabia que o nosso associado Maneca Brandão, ou o senhor Manoel Coelho Brandão apareceu na telinha da Rede Record de Televisão no dia 01/07/2007, no programa “Tudo é Possível” da apresentadora Eliana? Pois é! O nosso Maneca, considerado um artista plástico de primeira pela televisão, sabedora de tal genialidade não hesitara em levá-lo a São Paulo, para mostrar para o Brasil e mundo a arte náutica dentro da garrafa. Sim, o homem, também mestre em capoeira, tem até um livro no prelo sobre o assunto.

TUDO GRAVADO

Você sabia que o nosso colega, radialista José Hamilton, gravou com José Haroldo uma entrevista quando de sua última estada em Ilhéus, a convite desta Associação para receber o diploma de “Amigos da AFC” em dezembro de 2002, e que esta gravação estará compondo o nosso futuro acervo MEMORIAL.

AFC ILHÉUS - 27 anos de história

ILHEENSES PEDIRAM E FORAM ATENTIDOS

Representativa, porquanto se tratava de uma associação de funcionários, todavia, a idéia da AFC - Ilhéus – diferentemente da que se instalara em Itabuna, quando já se iniciara os movimentos reivindicatórios do funcionalismo – se prendia mais ao lazer. Ressalte-se que no ano de 1982, quando da realização da Assembléia Geral de Fundação, embora a Cota de Contribuição Cambial já houvesse sido incorporada ao Orçamento da União, sob os auspícios do ministro Delfim Neto, a Ceplac ainda conseguia para a mais expressiva a maior parte dos recursos, se bem que não tão generosos como os de outrora, se canalizassem para a Região. E assim sendo, apesar dos pesares, o órgão prosseguia mantendo o programa de assistência e integração social junto ao corpo funcional. Foi assim que o grupo, sob a liderança e o esforço de João Lawinsky de Andrade, com o apoio do secretário geral José Haroldo, consegue alocar com o Conselho Deliberativo, no seu orçamento de 1983 – através do Ajuste/387, uma verba no valor de Cr$ 4.000.000,00 de cruzeiros, o que viria a ser o pontapé inicial, no que diz respeito aos recursos financeiros para a construção da Associação em terras da aprazível cidade praiana ilheense.

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

AFC ILHÉUS - 27 anos de história




ÚNICO ASSOCIADO NA CORRIDA DE SÃO SILVESTRE
Nosso sócio efetivo José Torquato, até o momento foi o único associado a correr na São Silvestre. Sua colocação foi a 886º na sua categoria, e 6805º no geral, para um universo de mais de 15.000 concorrentes. Mas, o mais importante foi sua determinação de concorrer, foi sua participação. Vale lembrar que o Torquato participou por duas vezes a São Silvestre uma em 1996 e outra em 2006. Portanto a próxima corrida do colega só acontecerá em 2016. Promessa é promessa, e tem que ser cumprida.


Digite aqui o resto do post

AFC -ILHÉUS - 27 anos de história

NUNCA FORA SÓCIO EFETIVO
O Ex-Secretário Geral da CEPLAC, José Haroldo de Castro Vieira (falecido), que participou de várias reuniões e foi à peça fundamental para compra do terreno da AFC, nunca fora Sócio Efetivo da AFC, e que só em 18 de Outubro de 1986, portanto 4 anos e 7 meses depois, a pedido do então Presidente João Lawinsky (O Winskão), o seu nome juntamente com mais 11 personalidades regionais, é que foram aprovados como Sócio Benemérito. Dentre as personalidades estavam o Sr. Paulo Souto, o ex-governador Governador da Bahia, que na época era o Secretário de Minas e Energia.

AFC - ILHÉUS - 27 anos de história

DIRETORIA ELEITA POR ACLAMAÇÃO.
Até 1985, a Diretoria Administrativa era eleita por aclamação, justamente por não possuir um Estatuto Social. Como também não foi registrado no Livro Ata, a elaboração, a data da Assembléia e aprovação do 1º Estatuto Social da AFC.

PRONUNCIAMENTO HISTÓRICO.
O saudoso colega Nelson Campos Moreira, na Assembléia de Fundação, fez o seguinte pronunciamento: “Espero que o dia 19 de Março, dia de São José, dedicado ao plantio do milho, e o milho não é mais do que um conglomerado de grãos que unidos formam uma espiga. Que esta sociedade que hoje surge, seja unida como os grãos, que unidos formam um todo... sejam transformados em espiga de grandeza e do crescimento que esta entidade certamente bem o merece, pois, o futuro já disse sim...”.

terça-feira, 1 de setembro de 2009

ANIVERSARIANTES SETEMBRO

ESSES SÃO NOSSOS AMIGOS ASSOCIADOS QUE ANIVERSARIAM EM SETEMBRO,

02-José Raimundo Pereira dos Santos(Cacique); 02-Petrônio José dos Santos; 03-Otávio Conceição Ferreira; 04-Luiz Alberto Mendonça(Betinho); 04-Hilton Kruschewysky Duarte; 08-Edson Gusmão Nunes(Edinho), Jackson Emanuel Benevides Prado(Flamenguista), Prizilino Gomes de Azevedo Neto(Prizi); 09-Luciano Caldas da Silva (Fi de Wanderlito); 12-Antonio Ribeiro Almeida(Perreche); 13-Élio Gundim dos Santos (Élio Gundim), Paulo Celso de Souza Brito (Paulinho Comunicação); 15-Jose Antonio Nunes de Oliveira(JANO); 16-Demétrio Ferreira Nascimento(Pintado); 17-José Manoel Borges Santana(Mané du peixe); 19-Wilson Conceição Filho(Guarda Belo); 20-Carlos Eduardo Pereira Freitas(Dadau); 22-Domingos Mauricio Mendes dos Santos(Dominguinhos); 23-Adnaldo Santos de Carvalho(Lambreta); 24-Élson Marques Chaves(Pororoca); 24-Jorge das Mercês Souza Ferreira(Das Mercês); 26-Domingos Emanuel da Silva Freire (domingos), Marcos José da Silva(Marcão); 28-José Herberte Ferreira Santos(Herbete); 29-Edilson Galderisi dos Santos(Galderisi), Marivaldo Nunes do Nascimento(Marivaldo); 30-Joselita dos Santos Lima(Jó).

VIDA LONGA PARA TODOS, COM MUITA PAZ, SAÚDE E PROSPERIDADE.

"COMO É GRANDE O MEU AMOR POR VOCÊ"

Marcus Vinicius também foi personagem marcante na homenagem aos aniversariantes de agosto.
Em outro momento especial, com um clima cheio de romantismo, ele jogou para fora seu lado romântico, para dizer a Del sua Esposa, “Eu te Amo!” E ela, lógico, ficou emocionadíssima.
A AFC agradece a Marcus Vinícius, por nos proporcionar muita emoção, contribuindo para que a festa ficasse mais bonita.

ANIVERSARIANTES DE AGOSTO

A festa em homenagem aos aniversariantes, que acontece mensalmente na AFC, está cada vez mais agradável. Nesse ultimo sábado os aniversariantes presentes foram os associados Eduardo, Carlos, Heckel e Valdemar. Eles compareceram, pousaram para a foto, apagaram as velinhas, receberam os afagos dos amigos, sem contar que seus convidados curtiram muito esse evento que bombou. Angélica foi a rainha da folia. Ela curtiu como ninguém o show de Abdias e Keketa.